Quando O Brasil É Da Hora E Ninguém Vê: A Noite Do Chupacabras

maxresdefault (1)

 Vamos imaginar assim: você é um Brasileiro que gosta de cinema, mas você vê os filmes nacionais se resumindo a versões longa metragem de episódios americanos, ou mais deprimente ainda, releituras de comedias para a família que já passaram na tela quente nos anos 80

( troca de corpo, romance entre pobre e rica, entre rico e puta, o caipira que vem pra cidade etc etc), você vai para o cinema e todo filme de terror (gringo claro, por que esse gênero praticamente não existe no Brasil, salvo raras exceções) é sobre zumbis e possessões demoníacas, então você dispõem de um orçamento de 160.000 e não esta afim de gastar com jogos, prostitutas ou rinha de macacos com facas, o que você faz?

 O capixaba Rodrigo aragão, filho de um magico que possuía um cinema de vila, nascido e criado no cu do mundo chamado Guarapari, foi lá e fez um filme foda!

1040400
Ivan, o maldito Carvalho

 A noite do chupacabras é o tipico filme de terror que não se vê mais por ai desde a primeira metade dos anos 90, não abusa de “Jump Scare”, tem uma trama que mantem o suspense que depois vai desencadear numa trama maior e complexa, tem os malucos que precisam ter, com destaque para o personagem Ivan carvalho vivido pelo igualmente doidão Petter Baiestorf, rouba a cena do filme com seu maniaco caolho desgraçado, é caricato? é sim! mas é muito bom!

A-Noite-do-Chupacabras-2011-2

 A trama se passa em volta de uma rixa antiga entre as famílias silva e carvalho (que o filme diz que veio do sul, e baseado no nível de filha da putagem eu arrisco dizer que são curitibanos), a família Carvalho no passado tomou com violência as terras dos Silvas e para evitar mais derramamento de sangue hoje eles vivem uma trégua, os Carvalhos são desonestos, psicóticos e violentos enquanto os Silva são pacatos, acomodados e ingênuos, a merda começa a desandar quando Douglas Silva, que no passado teve um caso comeu e saiu fora com uma Carvalho volta da cidade grande com sua esposa gravida despertando assim a raiva dos Carvalhos que só esperam um pretexto pra quebrar a trégua, enquanto isso os Silva culpam seus algozes pela morte violenta de seus animais, não imaginando que no mato existe um mal maior.

a-noite-do-chupacabras-rodado-em-2011-esta-na-mostra-cinema-de-garagem-1343081138915_615x300

então no meio disso tudo você acrescenta um bruxo canibal, um monstro descontrolado, uma gravida viciada, linguagem chula e politicamente incorreta, litros de sangue, gore, dilacerações, vômitos,um dono de bar escroto, o tal chupacabras (que deveria ter aparecido menos no claro pra não entregar o orçamento) e até a porra de um albino esquisitão, e temos um filme de terror brazuca com uma lenda urbana nossa e com todos os elementos que um bom filme de terror deve ter, e o melhor é que não é mais uma copia mal feita de algum filme americano (globo filmes, estou falando com você).

mangue negro Cristian Verardi encarnando, O Velho do Saco

A noite do Chupacabras
Data de lançamento: 01/07/2011 
Direção: Rodrigo Aragão
Duração: 1h 35m
Gêneros: Terror, Ficção científica

Nota: 6/10 kikitos vibratorios!

 

1455637673944
imagem meramente apelativa!

 

Capitão Macumba, o super heroi que vocês merecem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s