Chatices novas e chatices velhas.

10264697_833270070116395_1097151388489469493_n

A censura do comercial da Fetsi com os limões que agora foram arregaçadamente corneados com direito a dublagem da Pitty reversa pode ter dado a impressão que o mundo ficou chato, mas se você for mais atento vai perceber o mundo so esta adquirente mais chato.

As leis contra vilipêndio e escarnecimento a religião so podem ser usadas contra uma discriminação agressiva e direta a religião, algo constante e publico, e um esculacho agressivo diretamente direcionado a uma pessoa ou a um grupo, não algo que se pode simplesmente ignorar e deixar pra lá, so chega a gravidade de um processo jurídico a partir do extremo mesmo,  tipo as vandalizações que as ultimas marchas das vadias, orgulho gay e gangs de retardas antifas fazem quando invadem igrejas.
Católicos argentinos vítimas do agressão física e sexual por parte das feministas
Ou isso aqui tambem.
Centro de Umbanda no Cachambi é alvo de depredação; ‘Ato de maldade
Ela seria criminosa se ela já profanasse algo da igreja, dos fieis ou de qualquer imagem publica.
Num da pra banir qualquer zuerazinha que alguém poste no diário pessoal com os abguinhos, zombar no canto dela.
Nem se conta no ambiente da internet, pois mesmo se ela invadisse e fl00dasse essas imagens por um grupo, page, mensageiro dum profile de algum católico. O botão de bloquear, o “x” da janela esta logo alí e como diz o filosofo Tyler:
tylerthecreatorcyberbullying_d7661c_4520299

Do contrario não existiria tantas centenas de pages e grupos de zueiras concentrado em religião ativos que descendem das cmms  anteriores aos tempos do exodus do Orkut, centenas de canais de Seutubo com o vlogguer indo parar ate em programas da Tv aberta, sketches bestas do Pinico, Zorra Total e Praça e Foda. Esses programas ainda existem.

/\Mas esse não.
Indo nesse critério totalmente  subjetivo e abstrato, seria proibido ate mesmo ir no McDonalds e comprar um X-bacon por causa da sensibilidade hindi e islâmica, pois quem sabe sobre o significado das dita cujas carnes nessas outras religiões e ainda sim vende, faz e come do mesmo jeito sabe que e um sacrilégio não importando a intenção que se faz isso, igual a como ela faz com as imagens, mas a aplicação legivel se resumi a não comer em mesquitas ou no tajib-mahal, que equivaleria a profanar algo na igreja, dos fieis ou uma imagem publica, ir na catedral tentar vender por lá, ai sim seria criminalmente punível.
Oque so e aplicado em  teocracias ou governos cornos como o da União Europeia que da espaço ate pra que dependendo da crença ou do sujeito que crer, definição de escarnio e vilipendio pode sim bastar em não seguir as regras, não acreditar em determinada crença religiosa, considerar legitima imposições como a da Sharia Law como no Oriente Merdio ou a Europa fazendo apologia a Isis pelos frascos de comprimidos.
Por isso que aqui num se considera nada que se possa usualmente ignorar, porque ainda hoje, so quem se ferra, so quem e “punido” por isso e quem chega ao lvl de ser atacado na rua ou ate na própria casa e regreta por temor pela integridade física própria ou de entes queridos como o trep jesus que supostamente apanhou, porem o perímetro daqui e laico.
Não faz sentido tentar forçar o governo a proibir isso, já interferiria intimamente no espaço do direito pessoal e privado do comedor de hamburgers do McDonald’s ou no dela e seus negócios próprios já feitos concentrando num publico exclusivo de consumidores alheios a religião.
Quanto ao do objeto, não tem que ser todo e qualquer do objeto exemplificado similar, teria que ser um já designatado pro curso da religião, uma imagem de São Sebastião de alguém ou publica como falei lá em cima, caso contrario num poderia por exemplo, comer churrasco como ja mencionei lá em cima, comer suchi sendo não-oriental, usar dreads sendo não-negro e tantas outras regras arbitrarias de como lidar com objetos considerados sagrados e que não influenciam diretamente na vida de ninguém como desarmamentistas que querem aprovar leis pra ensocar cidadãos honestos e pacíficos nos presídios por esses terem uma arma pra proteger sua família.
Como a arma do cidadão, essas imagens que ela pinta, que podem ter sido adquiridas de vendedores ou feitas por ela mesmo com arga-massa, são delas e de fato pode usar da maneira que bem entender, seja essa intensão no ponto de vista dela so um hobby, pra mandar qualquer mensagem politica, pra chocar e blasfemar como vocês acusam e continua sendo direito dela e sendo o mais provável que seja apenas lucrar usado de controvérsia mamilistica obvia como atalho.
E que e tudo o que vocês vão conseguir fazer com isso, essas tempestades de copo d’água elevam artistas fuleiros e sem talento que so sabem fazer trolhas “pulemikus”,”irritantes” e “iconoclastas” como ela e Rafinha Bostas ao estrelato, toda essa inflamação inútil so vai contribuir pra logo ela estar vendendo esse lixo como self-service em todo museu pós-moderno com o carimbão de subversivo e a preço de caviar como o bonus de varias mensagens raivosas de idiotas pra turbinar o cartão vitimismo dela.
No caso de ficarem apontando aqui que ela e feminista pra tentar deslegitimar essa critica, acusar de traição a qualquer movimento que ninguém daqui mencionou seguir, saiba que ninguém concorda em todos os pontos com ninguém, o que num quer dizer quer todo mundo que discorde de você seja igual, alem de que não e o que se esta discutindo aqui,  a sim o abuso indiscriminado e imprudente do aparelho constitucional que eu andava pensando que so femimiministas e outros mimimilitantes mimiminoritarios cometiam com tamanha frequência.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s