“Arte Moderna”… Coisa de VagabundA

Imagine, caro Contronauta, que você resolva sair para se divertir num sábado a noite… Daí, num momento de falta de lucidez (hahahaha), resolva “se divertir” vendo uma peça de teatro – coisa, que eu sinceramente, não curto, muito menos, recomendo –  e assim, quem sabe, enriquecer seu repertório cultural. Porém, uma vez sentado no anfiteatro, você seja confrontado com essa porra aqui:

PQP, mas que porra é essa, caralho???” – Perguntará arguto Contronauta. Trata-se da “peça de teatro” esquerdista, feminista, progressista e pós-modernistaThe Sirens (As Sereias)“, uma peça que foi exibida no teatro  Soho, em Londres de dezembro de 2014 à fevereiro de 2015. E, como você pode ver, o conteúdo faz jus à descrição (e não ao nome da “peça”): trata-se do mais puro lixo pseudo-intelectual, degradante e condescendente, bem ao jeito daquilo que o feminismo nos tem empulhado e que, bovinamente aceitamos sem esboçar qualquer reação sob o risco de sermos acusados de machistas, fascistas, misóginos, opressores e etc., como é de costume quando batemos de frente às loucuras dessa corja.
Na promoção da tal peça, sua descrição dizia : “um verdadeiro testemunho daquilo que é ser mulher, com imagens representativas do sexismo!” Então, tá, né… Com louca não se discute… Enfim, este o  padrão da genialidade feminista e lacradora, em que um grupo de mulheres histéricas, simulando punhetas e siriricas enquanto berram como cabritas desmamadas é considerado arte. Viva o feminismo moderno, promotor da excelência excrescência cultural!
Mas, não pense que acabou. Tem mais:

Lauren Barri-Holstein (judia?), uma piranha… eer, perdão, uma respeitável professora que dá aulas de representação dramática na Universidade da Rainha Maria de Londres (vejam a sua página, se aguentarem as cores “vibrantes” e epiléticas a la marvel VS Capcom 3 ), chocou os seus estudantes com esta sua performance genial, cuja intenção segundo a mesma é a de esmagar o Patriarcado com sua crítica visionária, mordaz e cáustica:

A criatura perturbada nas fotos acima, decidiu que a educação ministrada pela sua instituição, em particular os estudos dos dramaturgos da Grécia Antiga, Ésquilo e Séneca, careciam de uma certa dose de… pornografia grotesca essencial às artes e às humanidades contemporâneas. Porque essas coisas não foram incluídas na nossa reforma educacional, não faço ideia, hahahahahahahaha.
Assim, em vez de ensinar aos seus alunos os ofícios da improvisação, eloquência e expressão corporal, ela optou por mostrar-lhes um vídeo dela simulando uma masturbação com um tampão (:/) na xoxosa, cortando tomates em pedaços com uma com uma faca e, finalmente, a inserir o cabo dessa faca na sua buça. Tudo isto, enquanto se equilibrava em um par de patins. Para aqueles que são ignorantes e que não compreenderam o gênio incomparável da dona Lauren, o currículo da sua disciplina é bastante claro: “este módulo olha para as especificidades da forma teatral, explorando as formas de conseguir, no teatro, efeitos e significados que podem ser encontrados noutras formas de arte. Isto é alcançado através da exploração prática dos processos e das técnicas de adaptação de outros materiais ao teatro, suportada por literatura relevante, projeções de vídeo, visitas e atuações adequadas.”
Perceberam, seus animais?… Este é o teatro moderno, com os seus tomates estropiados na buceta e masturbações grotescas em palco, que será difundido no mundo todo como a representação artística e cultural do câncer chamado feminismo pós-moderno. E se achar ruim, já sabe, né: prepare-se para o linchamento, sem chance de defesa, afinal, “o mundo mudou e as coisas agora são desse jeito!” Assim determina a ditadura do politicamente correto.

1 comentário Adicione o seu

  1. Como eu disse em outro post, não julgue o todo por causa de algumas retardadas. Artistas de verdade são ofuscados por causa desses retardados, que fazem essas merdas só pra chamar atenção. Arte nunca foi levado a série pelo publico, e esses desgraçados só pioram a situação.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s