Não deixar a sua mulher transar com outros homens é SEXISMO!

Sim,  a frase que eu usei no título deste post é real e ela foi dita por alguém. E pior, essa pessoa demente que disse essa merda a sério é um homem (ou melhor, acha que é) e vive de acordo com essa ‘filosofia de vida’. O animal puto retardado em questão se chama , esquerdomacho feministO norte-americano casado e com duas filhas, de 3 e 6 anos, e que deixa a sua mulher dormir “com quantos homens ela quiser”. Diz ele que se não fosse assim, ele estaria  sendo “machista” e “sexista”, porque “a monogamia é uma forma de opressão do patriarcado”. Sim, é esse nível de retardo que se espera de um sujeito que se diz “homem feminista”, uma das sub-espécies mais abomináveis e desprezíveis que se pode encontrar entre a fauna que compõe os SJW em geral. O que é dizer muita coisa neste caso, visto que o mais moderado desses tipos, por muito menos já é capaz de me fazer embrulhar o estômago. 

Apesar de mais um caso medonho que aconteceu na gringa, é sempre bom a gente comentar essas merdas aqui, já que há muita gente no Brasil que ainda acredita que o feminismo é a luta pela “igualdade”. E olha que as (poucas) coisas que eu tenho publicado aqui no Contra  são apenas a ponta do iceberg de merda, diante de tantas outras bizarrices que acontecem pelo mundo todo diariamente. O foda é que quando a gente acha que já viu de tudo e não tem por onde decair mais, encontramos  noticias como essa, protagonizada por lixo da pior espécie como esse filho da puta que disse uma bosta dessas.

O homem contemporâneo está a morrer aos poucos, conforme o tempo passa e mais idiotas aderem e relevam as loucuras empulhadas por esses coletivos e movimentos cancerígenos, neste caso, um dos mais nocivos, que é o feminismo. E sabe o que é pior, Contronauta? Não é só fato de estar a morrer e cavando a própria cova, mas, de baixar a cabeça e fazer isso sorrindo e com um fiapo elástico de baba bovina escorrendo pelo canto da boca.

“Londres já é mais indiana/paquistanesa do que britânica? Fantástico! Paris é majoritariamente muçulmana? Fabuloso! A América já não será majoritariamente branca daqui a 20 anos? Que maravilha! Grande parte das mulheres suecas são violentadas por invasores nojentos e há gangues de pedófilos muçulmanos agindo na Inglaterra? Modernismo!   Os “refugiados” estão a chegar à Europa às centenas de milhar por ano? Viva a diversidade! Os alahu akhbar têm cada vez mais direitos nos países que eles ocupam? Isso é progresso! A bandeira dos Confederados é banida, mas a do ISIS continua a ser legal nos Estados unidos? Tolerância! A minha mulher dá o rabo pra quantos desgraçados ela quiser? Feminismo! Diva! Empoderada! Lacradora! ” É ASSIM QUE FUNCIONA A CABEÇA DE MERDA DESSA PUTADA. E o que não falta é vagabundo dizer que isso é o certo.

Em outros tempos, ser traído justificava até mesmo o sujeito ir às vias de fato e tomar medidas extremas, como era chamado em priscas eras, o “Crime em Defesa da Honra”, que caiu em desuso há não tão pouco tempo assim; com o passar do tempo, a coisa se abrandou, mas, mesmo assim, a traição conjugal nunca foi tolerada pela sociedade, pelo contrário, sempre foi vista com condenação e quem a praticava, sempre arcou de uma forma ou ode outra com suas consequências;   hoje em dia, com a sensibilidade do home moderno vista como uma qualidade, o cornudo passou de manso a leniente e agora é “bonito” ser corno por convicção. O próximo passo: quem não aceitar ser corno corre risco de tomar um processo criminal por machismo, que será considerado crime hediondo, do jeito que as coisas estão indo.

Pois, a sociedade evolui… Os homossexuais antigamente também não podiam se casar, hoje, você dizer que tem algo contra (o que, sinceramente não tenho, mas, respeito o direito à opinião de quem tem) é o mesmo que assumir a perpetração de um holocausto de criancinhas com as próprias mãos. Por que, né… estamos em 2016, os tempos são outros… hoje em dia as pessoas civilizadas entendem que essa coisa de sexo, gênero, etc. não passa de uma construção social, let it go.

15337418_1629439897357978_1236959150130693732_n

Por isso, já sabe… se sua mulher chegar dizendo que ela quer passar um tempo com outros rapazes, se conforme e tenha a dignidade de só sair do caminho. Ser um viadinho cuckold fodido do caralho é a última moda entre os homens modernos atualmente. Se você quiser se adiantar as tendências do amanhã, o negócio é ir fazendo uma amizade com o Ricardão e quem sabe, eles te deixam entrar na brincadeira também e na melhor das hipóteses, você acabe levando uma surra de piroca mole na cara e gostando da coisa.

 

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s