CHUPA, FEMINAZI! CHUPA, GORDA!Desafio do Contra: #AlezziaNuaNaPlayboy

O que mais incomoda o feminismo não são os homens, o machismo, a misoginia, o patriarcado, etc… Não é porra nenhuma disso. O que mais deixa essas feminazis putas e estourando os absorventes cheios de pentelhos enroscados loucas de raiva não é outra coisa que não… MULHERES. Yup, isso mesmo, arguto Contronauta: mulheres. Mulheres bonitas, ricas, inteligentes, bem sucedidas, emancipadas, independentes e donas de si  são tudo aquilo que o feminismo por definição luta com todas as forças contra, pois, quanto mais mulheres estiverem nessas condições, mais a sua pauta doentia perde todo o sentido de existir. E quando uma mulher com todos esses atributos tem um CNPJ, nome fantasia e razão social, o ódio dessas barangas se potencializa. A proporção da inveja, do ciúme e do recalque se torna 1 milhão de vezes maior, como pudemos comprovar com o que vem acontecendo no caso Alezzia, de sexta feira pra cá.

fb_img_1481978627517.jpg

Já falamos o que a gente pensa sobre o assunto, com toda nossa moral e categoria, como pode ser visto aqui. Hoje, nossa intenção é outra. Uma, digamos assim, mais… irreverente e safadinha, rs. Porém, não deixa de ser também um serviço de utilidade pública, pois, a campanha que lançamos agora atende ao menos 3 funções elementares nessa luta pelo direito de Liberdade de Expressão e contra a ditadura do Politicamente Correto que estamos travando desde a fundação deste blog, em fevereiro deste ano e que agora, encontramos na grande Alezzia, uma companheira de armas, com os mesmos ideais (em termos). Por isso, orgulhosamente o Contra lança agora a campanha #AlezziaNuaNaPLAYBOY, visando atingir plenamente os 3 objetivos abaixo:

1 – Que as mulheres possam de fato ter toda a liberdade de fazerem o que bem entenderem, sem precisar pedir autorização ou se retratar a seja quem caralhos filha da puta for, muito menos à coletivos ditatoriais que se arrogam no direito de censurar as liberdades individuais dessas mulheres sob a falsa alegação de estarem representando-nas. Liberdade, na definição ortodoxa da palavra, é ter a possibilidade de fazer a porra que você quiser, com a intenção que você quiser e sem precisar dar satisfação a ninguém – desde que isso não prejudique os outros. E de quebra, queremos promover a volta do prestígio e da admiração à beleza da mulher brasileira, que foi tão execrada nesses últimos anos que o câncer feminista ganhou força no nosso país (de merda), sem medo de ser feliz. Por mais mulher gostosa e emancipada everywhere e DOA A BUNDA DE QUEM DOER.

VAI TER GOSTOSA, SIM! Foda-se quem se incomodar.

2 – Ressuscitar a falecida revista Playboy brasileira, que já teve em priscas eras grandes momentos de importância e ousadia, mas, que  se rendeu totalmente ao melindre e ao chorume das feministas e ao PC e hoje não passa de um arremedo patético do que já foi. Um ensaio irreverente, desinibido e sexy com a modelo gata da Alezzia – possivelmente, a MULHER DO ANO no Brasil –  seria a iniciativa perfeita para tirar a Playboy dessa lama péssima fase SJW que ela vem amargando e torná-la novamente relevante no mercado de revistas masculinas brasileiras. E também chamaria a atenção de muita gente, principalmente leitores antigos que abandonaram a publicação depois dessa nova postura editorial frouxa, rasteira e covarde que eles vem adotando nos últimos anos.

3 – Mandar mais um “FODA-SE” bem gostoso contra toda a hipocrisia, o relativismo moral, fanatismo político e o autoritarismo dessas pessoas mimadas e movimentos escrotos que querem pautar o pensamento, as opiniões e atitudes de toda a sociedade, como um rolo compressor passando por cima  dos direitos e liberdades individuais, cerceando opiniões, assassinando reputações, tudo para forçar goela abaixo de todo mundo uma porra de uma agenda totalitária e que só visa atender os interesses de uma ideologia doente e tóxica, que só faz destruir tudo por onde passa.

É uma situação em que todos que importam saem ganhando. Modéstia a parte, foi uma sacada genial que tivemos. A ideia foi lançada, agora, depende da gente, de todos nós fazer essa porra acontecer. Não só por mais mulheres lindas e gostosas nuas (o que não tem nada de ruim, muito pelo contrário), mas, por se tratar de mais um passo adiante no combate ao autoritarismo e arbitrariedade de uma minoria agressiva, estridente e nociva para o todo, além de mover para mais longe, rumo ao abismo a muralha imposta por uma pseudo ditadura ditando os limites sobre o que podemos ou não pensar e dizer.

Está lançado o desafio. Enquanto isso, vamos ficar com o que temos até então, que são TODAS as fotos da gostosíssima Alezzia – que além de muito bonita, tem um corpo fantástico – como um aperitivo do que talvez possa vir, caso nossa campanha atinja seu objetivo. E que as pessoas e instituições a quais este desafio é dirigido tenham TÔNUS de bancar esse desafio irreverente e torna-lo realidade. Enquantoisso, considere essa galeria abaixo um presente de natal adiantado do seu amigo, Imperador.

Com vocês, Alezzia, a Deusa Opressora do Aço Inox:

12821447_1178159968913768_1200795508255531863_n15492092_1436398549756574_8382084029466550266_n15542452_1436969199699509_7721719210174184599_n15542306_1437712782958484_1843554110320920370_n15542123_1437806742949088_5633465844098090530_n15622170_1437906662939096_2302948743189710664_n15542114_1437950006268095_8268209354845019740_n15621897_1438035652926197_5925336386495332583_n15621959_1438070589589370_598555678527464330_n15578852_1438132959583133_8022895311099225483_n15442321_1438171872912575_409484406047560264_n15590579_1438232906239805_2721750868370095192_n15589568_1438245212905241_2267035706530088744_n15541221_1438263659570063_2216948283861126536_n15621737_1438802462849516_4436188933823332027_n15541474_1438834849512944_1387263041371759885_n15492302_1438869922842770_3097643339453869011_n15349716_1439060532823709_1471844783092035338_n15621985_1439095822820180_1830127525102098496_n15590016_1439158722813890_209121763756510490_n15578788_1439184562811306_65249493600932011_n15492430_1439203516142744_7966633835865458469_n15622251_1439256616137434_9218437607507825823_n14600994_1439330586130037_1062713614869101595_n15542415_1439402976122798_1303455880781469748_n15541969_1439476342782128_4499823308801563427_n15589990_1439951959401233_5305158150912703092_n

Que delícia, né?

E caso nosso desafio popular pegue e assim, acabe mostrando a nossa força, já pensamos no próximo estágio, ainda mais ousado, para o bem de toda a nação e o esculacho total das militantes feminazistas: #AlezziaNaBrasileirinhas. Não custa nada sonhar, não é mesmo?  É  ou não mais uma jogada de mestre, caro Contronauta?

E antes que me esqueça:

FEMINISMO É CÂNCER.

2 comentários Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s