O Brasil, o país da hipocrisia generalizada

O Brasil como ele é, em dois casos distintos:

Situação 1 – Uma tatuagem na testa de um vagabundo:


COMOÇÃO GERAL por parte:
– das autoridades 
– da sociedade civil
– da classe artística
– da imprensa

Situação 2 –  Uma bala de fuzil na cabeça de um policial que perdeu a vida protegendo a sociedade.


INDIFERENÇA TOTAL por parte:
– das autoridades
– da sociedade civil
– da classe artística
– da imprensa

Como podemos aceitar que sejam tratados dessa maneira nossos HERÓIS?

Enquanto essa for a ideologia predominante em nossa sociedade, a de compaixão com marginais e o desprezo por nossos policiais e demais cidadãos de bem, a reputação de nossa nação, no cenário internacional, continuará tão suja quanto um rato saindo do esgoto.

– Jamy Milano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s